Encontro de Negócios é caminho para abertura de novos mercados

Publicado em 30/10/2017 16:12h

Fiepa Novidades

Encontro de Negócios é caminho para abertura de novos mercados

Encontro de Negócios é caminho para abertura de novos mercados

Cerca de 300.000$ (Trezentos mil dólares) de negócios fechados e uma expectativa de 1.500.000$, em negócios a serem efetivados ao longo dos próximos oito meses. Esse foi o resultado do “Encontro de Negócios Itinerante de Alimentos, Bebidas e Cosméticos”, realizado no dia 23 de outubro, na Federação das Indústrias do Estado do Pará (FIEPA).

A iniciativa é da Fiepa, por meio do Centro Internacional de Negócios (CIN), no contexto do projeto de internacionalização de empresas industriais da Confederação Nacional da Indústria – CNI - e parceria com a Apex Brasil. Ao todo foram realizadas 63 rodadas de negócios em 5 horas de evento. Participaram do Encontro 17 empresas paraenses e 6 compradores (empresas internacionais da Espanha, Panamá, Colômbia, Paraguai, Bolívia e Suriname).

Segundo Cassandra Lobato, assessora técnica do Centro Internacional de Negócios (CIN) Pará, o resultado do evento foi bem satisfatório. “O Encontro foi muito produtivo, levando-se em conta o tempo de organização (de agosto a outubro) e o crescimento das empresas”, disse. “Acredito que participar de eventos desta natureza é uma boa estratégia para quem deseja buscar novos mercados, principalmente em tempos de crise”, observou.

Avaliação positiva

O empresário do ramo de alimentos (indústria Dom Cookie), Ramiro Vidal, avaliou que a participação de eventos como esse é muito positiva. “De dois anos para cá temos participado, através do CIN, de rodadas de negócios. Isso tem gerado bons frutos! A cada comentário de um importador vamos adequando os nossos produtos. Hoje já temos embalagens em quadro idiomas”, conta.

Dâmares Busman, farmacêutica da Juruá Cosméticos, empresa que atua no mercado há 40 anos, concorda com ele e recomenda que as empresas interessadas no mercado exterior sigam esse caminho. “Já participamos de rodadas de negócios há cerca de um ano. Os produtos Juruá são muito vistos no exterior. Atualmente já exportamos para Itália, França e Japão. O Centro Internacional de Negócios é um grande parceiro e nos oferece assessoria, não somente no dia do evento, mas cursos, treinamentos, orientações sobre formação do preço, cálculo do frete e logística. Tudo isso nos auxiliam na hora de negociar. Indico que outras empresas interessadas em vender para o exterior procurem o CIN”, orienta.

 

SISTEMA FIEPA - Portal da Indústria Paraense
X