Prêmio Norte e Nordeste de Excelência Gráfica José Cândido Cordeiro

Publicado em 27/05/2019 11:11h

Fiepa Novidades

Prêmio Norte e Nordeste de Excelência Gráfica José Cândido Cordeiro

Com o objetivo de divulgar a 11ª edição do Prêmio Norte e Nordeste de Excelência Gráfica José Cândido Cordeiro, a consultora Rita Correia, representante da Associação Nacional das Indústrias Gráficas e da Comunicação (Andigraf), reuniu nesta segunda-feira (27) com o vice-presidente do Sistema FIEPA, Carlos Jorge da Silva, também presidente do Sindicato das Indústrias Gráficas do Estado do Pará (SIGEPA); e com Ivanildo Pontes, diretor executivo da instituição.

O Prêmio foi criado em Pernambuco, a partir da iniciativa dos representantes dos Sindicatos do Nordeste, com o objetivo de auxiliar e motivar as empresas para a qualificação dos seus produtos. A partir de um processo de expansão e fortalecimento, há dois anos a região Norte foi inserida na Premiação. Desde que foi criada, há 11 anos, já atendeu mais de mil empresas com aproximadamente seis mil peças inscritas.

Este ano, a cerimônia será no Estado do Tocantins, no dia 27 de setembro e deverá contar com a participação de cerca de 150 empresas gráficas das duas regiões. Durante o encontro, a consultora apresentou detalhes da premiação e falou da importância de fortalecer a participação das empresas paraenses, como forma de aumentar a representatividade do Norte na premiação. “Sabemos que o trabalho desenvolvido pelas gráficas do Pará é de qualidade e o estado é um dos que possuem maior evidência na região Norte. Por isso, estamos realizando diversas visitas para ver se conseguimos uma maior participação das indústrias paraenses no evento”, explica Rita Correia.

Os trabalhos podem ser inscritos até o dia 28 de junho pelo site www.josecandidocordeiro.org.br. A premiação é direcionada a fornecedores e distribuidores e conta ao todo com 10 categorias. Os cinco produtos finalistas de cada categoria terão a inscrição gratuita no Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini, e serão enquadrados nas categorias disponíveis no regulamento.

Para o presidente do SIGEPA, Carlos Jorge da Silva, esta é uma oportunidade de colocar a produção gráfica local em evidência. “Esse tipo de iniciativa é importante porque estimula as empresas a buscar maior qualificação, seja de mão de obra ou de tecnologia, contribui para aumentar a qualidade de nossos produtos e a nossa competitividade”, avalia Silva.

SISTEMA FIEPA - Portal da Indústria Paraense
X