Prêmio Sindusroupa reconhece empresa do setor de confecção

Publicado em 17/05/2019 17:51h

Fiepa Novidades

Prêmio Sindusroupa reconhece empresa do setor de confecção

O Sindicato das Indústrias de Confecções de Roupas do Estado do Pará (Sindusroupa) realizou, durante a programação da XIV Feira da Indústria do Pará (FIPA), a entrega do Prêmio Sindusroupa - Reconhecimento do Setor de Confecção, que homenageia as indústrias que se destacaram no setor de confecções no Estado do Pará.

Este ano, o homenageado foi o Grupo MLX, da empresária Márcia Nazaré Silva Bitar, cuja trajetória na indústria confecção começou em 1994, com seis funcionários, e hoje emprega mais de 100 pessoas no Estado. “Quando começamos éramos bem pequenos. Com o tempo, descobri a Federação das Indústrias e passamos a contar com cursos de capacitação tanto para mim como gestora, quanto para os funcionários. A partir daí, passamos a investir e hoje contamos com equipamentos modernos, tudo computadorizado e sempre priorizando a compra de produtos aqui da região. A ajuda da FIEPA e do Sindusroupa tornou isso possível e cada vez mais, precisamos aqui no Pará desse tipo de apoio para expandir as empresas da região e gerar renda para o Estado”, explicou Márcia Bitar.

Durante a cerimônia, Rita Areas, presidente do Sindusroupa, relembrou os desafios que o setor enfrenta e que a premiação busca também estimular as empresas da área da confecção. “Sabemos que alguns empresários, em alguns períodos, ficam desestimulados, sem tanto entusiasmo porque os desafios são muitos e grandes. Mas a criação do Prêmio vem para reforçar a importância desse setor que gera emprego e renda para centenas de profissionais em todo o estado”, falou.

Durante a cerimônia, o Grupo MLX foi representado por sua filha e diretora operacional, Priscila Vieira. "Estamos no mercado há 25 anos e este prêmio é um reconhecimento de toda uma trajetória de trabalho. Começamos com seis funcionários e hoje contamos com mais de 100, o que nos dá muito orgulho. E seguindo os avanços tecnológicos apresentados aqui na FIPA, contamos com todo o processo de produção e maquinário automatizados. Só temos que agradecer e comemorar", afirmou Priscila Vieira.

SISTEMA FIEPA - Portal da Indústria Paraense
X