Prêmios que reconhecem ações em prol da Amazônia entram na fase de julgamento online

Publicado em 18/10/2018 14:03h

Fiepa Novidades

Prêmios que reconhecem ações em prol da Amazônia entram na fase de julgamento online

Prêmios que reconhecem ações em prol da Amazônia entra na fase de julgamento online

A tecnologia é um dos diferenciais da edição 2018 dos Prêmios Professor Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente. Um dos mais tradicionais prêmios voltados para a ciência e tecnologia e com foco exclusivo na Amazônia, traz como novidade para este ano o julgamento online dos trabalhos inscritos. O processo que vai definir os vencedores de 2018 segue até o dia 19 de outubro.

As premiações receberam 176 trabalhos inscritos e todos estão sendo analisados pelos jurados. “Como temos representantes em toda a região amazônica, desenvolvemos uma metodologia para facilitar o acesso aos trabalhos inscritos e deixasse essse processo mais ágil e prático. Ou seja, nenhum membro da comissão julgadora precisou se deslocar a outra cidade ou se afastar de suas atividades rotineiras para participar”, disse o curador dos prêmios, professor José Rincón Ferreira.

Outra novidade que torna a edição deste ano especial é a celebração dos 15 anos de criação do Prêmio Professor Samuel Benchimol e os 10 anos de realização conjunta dos prêmios Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente.

Premiações - A iniciativa tem como objetivo incentivar e reconhecer ações em prol da região amazônica. Para a Categoria Projetos de Desenvolvimento Sustentável na Região Amazônica serão selecionados três projetos a serem agraciados sendo que o primeiro colocado receberá o valor de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais); o segundo colocado, R$ 15.000,00 (quinze mil reais); e o terceiro colocado, R$ 10.000,00 (dez mil reais). No caso de serem selecionados apenas dois projetos, caberá ao primeiro colocado R$ 45 mil, e ao segundo colocado R$ 15 mil. Havendo somente um vencedor, este receberá o valor total de R$ 60 mil.

Para a Categoria Iniciativa de Desenvolvimento Local (IDL) serão selecionadas três empresas a serem agraciadas sendo que a primeira colocada receberá o valor de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais); a segunda colocada, R$ 15.000,00 (quinze mil reais); e a terceira colocada, R$ 10.000,00 (dez mil reais). No caso de serem selecionadas apenas duas empresas, caberá a primeira colocada R$ 45 mil, e a segunda colocada R$ 15 mil. Havendo somente uma empresa vencedora, esta receberá o valor total de R$ 60 mil.

As premiações recebem o apoio do Banco da Amazônia, grupo Bemol/Fogás, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), por meio do seu Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), da Confederação Nacional da Indústria (CNI), das Federações de Indústrias da Região Amazônica, Fundações de Amparo à Pesquisa da Amazônia Legal, dentre outras instituições.

SISTEMA FIEPA - Portal da Indústria Paraense
X