Sistema FIEPA promove educação na Feira Pan-Amazônica do Livro

Publicado em 04/06/2018 11:53h

Fiepa Novidades

Sistema FIEPA promove educação na Feira Pan-Amazônica do Livro

A XXII Feira Pan-Amazônica do Livro teve início no dia 2 de junho e o Sistema FIEPA participa do evento divulgando suas ações no segmento educacional. O evento seguirá até 10 de junho, de 10h às 22h, e neste período será oferecida uma programação diversificada para quem for ao Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.

Em todo o estado são mantidas iniciativas regulares para o desenvolvimento educacional tanto para a mão de obra da indústria, como para a comunidade. No estado, o SESI possui 14 unidades fixas e 23 móveis que oferecem Ensino Infantil e Fundamental, Educação de Jovens e Adultos, Cursos de Educação Continuada e curso pré-vestibular para os trabalhadores e dependentes da indústria.

Já o SENAI oferta mais de 60 cursos de educação profissional em 28 áreas da indústria brasileira. No Pará, o SENAI atua com 15 unidades fixas e 21 unidades móveis, tendo qualificado, em mais de seis décadas, 700 mil pessoas para o mercado de trabalho. “Sabemos que a leitura é um instrumento fundamental para o desenvolvimento de todas as pessoas. Por isso, estaremos na Feira Pan-Amazônica do Livro para apresentar nossa atuação no campo da educação, mostrar como é possível acessar esses serviços e como eles podem ser veículos de transformação para os trabalhadores da indústria e toda a sociedade”, diz Dário Lemos, Superintendente Regional do SESI e Diretor Regional do SENAI.

Pequenos escritores – Em 2017, o SESI desenvolveu em todas as suas nove escolas o projeto Estante Mágica, que incentivou os alunos a se tornarem escritores. Cada aluno escreveu seu próprio livro, sob a orientação dos professores, e no final do ano lançaram seus títulos.

O projeto, que envolveu 200 alunos, foi apresentado na Feira, no dia 03 de junho, com a sessão de autógrafos do livro ‘A Boneca Mágica’, da aluna Ana Rafaella Coelho Barbosa, de 7 anos, da Escola SESI Ananindeua. “Desenvolvemos esse projeto com o objetivo de incentivar os alunos a se interessarem pelos livros, pela leitura e o resultado foi muito positivo. A iniciativa envolveu alunos, professores, os pais e responsáveis e se tornou um momento de união de escola e família”, fala Márcia Arguelles, gerente de Educação do SESI Pará.

Sobre o evento - A Feira Pan-Amazônica do Livro chega este ano à sua vigésima segunda edição. Como vem acontecendo desde o primeiro evento, foram escolhidos um escrito como patrono e um país a ser homenageado, que são o poeta paraense Age de carvalho e a Colômbia. A Feira é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e ficará aberta à visitação pública do dia 1 a 10 de junho e, neste período, será oferecida uma programação diversificada para quem for ao Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.

SISTEMA FIEPA - Portal da Indústria Paraense
X